última hora

 
 

ANGARIAÇÃO DE FUNDOS
OBRAS BENEFICIAÇÃO NAS INSTALAÇÕES

Corpos Sociais para o Biénio 2016/ 2017
Nas eleições participaram 60 associados

Içar das Bandeiras na SFAL
Assinala 149 anos
. A mais antiga colectividade do concelho do Barreiro

Falecimento de Mário Soares
SFAL expressa sentido pesar

Que significou a SFAL na minha vida? Que posso dar à SFAL para lhe agradecer o que me deu?

SFAL
A mais antiga colectividade do concelho do Barreiro

Memórias da SFAL
Convivio no Café Bar

Sexta-Feira especial na SFAL
No final de uma semana de trabalho

Eleitos Corpos Sociais para o biénio 2014 - 2015
Lurdes Sales eleita presidente da Direcção

Feira Solidária na SFAL – Barreiro
Um espaço aberto de divulgação de livros e artesanato

BARREIRO RECONHECIDO 2017
SFAL
ASSOCIATIVISMO, INTERVENÇÃO SOCIAL E MULTICULTURALIDADE

Esplanada da SFAL
Inaugurada há 65 anos

Ginástica na SFAL
Um espaço vivo de ligação da colectividade à comunidade

Apresentação do DVD « Mania das Grandezas»
«Hoje tivemos mais uma fabulosa experiência»

ZUMBA fitness na SFAL
Venha divertir-se na SFAL

ACROSFAL
Uma representação que orgulha a SFAL

Mãos à obra...na SFAL
Melhorar as instalações

TISFAL - Teatro Infantil da SFAL
Recomeçou actividade

CAPOEIRA NA SFAL
Também é para os adultos!!

DVD SARAU DA SFAL

Nova Época Desportiva
Abertas inscrições

Barreiro - Karaoke na SFAL
Bento´s DUO animam a noite

Carnaval que é Carnaval é mesmo na SFAL!
Estamos a contar com a presença de todos

Encontro de Tunas

Encontro com Movimento Associativo Centenário do Concelho
SFAL marcou presença

Câmara Municipal do Barreiro
Aceita Partituras da SFAL e documentos antigos da extinta Junta de Freguesia do Lavradio.

Reabertura da Sala de Convivio Augusto Martins
O trabalho de uma equipa que vive o associativismo

«Dia da Peça» faz hoje precisamente 140 anos
SFAL e «Os Franceses» em confronto nacional

Fábrica de explosivos no Lavradio
Alvará atribuído a 30 de Setembro de 1911

Posto de Observação


Encontro com Movimento Associativo Centenário do Concelho
SFAL marcou presença

Na tarde de 9 de novembro, o Centro de Educação Ambiental (CEA) da Mata da Machada e Sapal do Rio Coina, no ‘coração’ da Reserva Natural Local, acolheu um encontro entre as associações centenárias que integram o Movimento Associativo do Concelho do Barreiro e o novo Executivo Municipal.

A SFAL esteve representada por António Sousa Pereira, presidente da Direcção e José Miguel, Presidente da Mesa da Assembleia Geral.

Presentes estiveram o Presidente da Câmara Municipal do Barreiro, Carlos Humberto de Carvalho, e os vereadores com pelouro Sofia Martins, Regina Janeiro, Rui Lopo e Sónia Lobo. Por parte das associações centenárias, e embora tivessem sido todas convidadas, fizeram-se representar a Associação Bombeiros Voluntários do Sul e Sueste; a Sociedade de Instrução e Recreio Barreirense "Os Penicheiros"; a Sociedade Democrática União Barreirense "Os Franceses"; a Sociedade Filarmónica Agrícola Lavradiense; a Cooperativa Cultural Popular Barreirense e a Santa Casa da Misericórdia do Barreiro.

Este encontro com o Movimento Associativo (MA) e, dentro dele, com as associações centenárias foi, segundo o Presidente da Autarquia, “uma forma de homenagem a um dos pilares determinantes daquilo que o Barreiro foi nos últimos dois séculos”. Segundo ele, “somos o que somos devido ao Movimento Associativo e a esta característica que temos no Barreiro de nos juntarmos para fazer coisas em conjunto. O nosso Movimento Associativo tem tido sempre este papel. Neste contexto, o papel da Câmara é o de dinamizar, incentivar, de cooperar e de articular, dando força, ânimo e estímulo e incentivos a todos aqueles que querem fazer coisas pelo Concelho do Barreiro”.

Regina Janeiro, responsável pela área do Associativismo no Município do Barreiro, enquadrou o momento dizendo que na sequência da linha estratégica, de início de mandato, «Barreiro de Todos. Barreiro com Todos» surgiu este encontro, “numa lógica de intervenção continuada e porque consideramos que o MA é um parceiro essencial no desenvolvimento e na construção coletiva da cidade”.
Carlos Humberto de Carvalho enfatizou que o envolvimento com as populações e com as entidades é essencial, e reforço a ideia explicando que “decidimos fazer um conjunto de iniciativas, de contactos e de reflexão com agentes da nossa comunidade, para reforçar uma ideia central e que defendemos: não há desenvolvimento sem participação, sem cidadania, sem envolvimento das pessoas, naquilo que é de todos nós”.

O Movimento Associativo do Barreiro é um património riquíssimo
Neste ato/encontro simbólico, o Presidente transmitiu aos presentes a ideia de que existem imensas dificuldades e que, na sua opinião, atravessamos a maior ofensiva, pós 25 de Abril, contra os direitos e contra o Poder Local. “Corremos riscos seríssimos ao nível das conquistas democráticas que ao longo de século viemos a conseguir”, afirmou, referindo-se concretamente aos serviços públicos das águas, dos resíduos sólidos urbanos, à saúde, à educação e à ação social.
“Apesar de tudo isto, queremos dizer-vos que é preciso não desistir, é preciso continuar a intervir pela defesa das nossas opiniões e é preciso não desistir de desenvolver o Concelho do Barreiro, não desistindo de fazer com que ele seja uma centralidade nesta grande região que é a Área Metropolitana de Lisboa”.

A concluir reafirmou “vamos continuar a trabalhar com todos, mesmo que com pouquíssimos meios financeiros. Para nós, estratégico, é estarmos com as pessoas, com o MA e com as entidades que constroem o Barreiro, todos os dias.
O Movimento Associativo é insubstituível por aquilo que faz, por aquilo que fez, e desejamos que se consiga adaptar para que seja insubstituível no futuro”.

Fonte - CMB

Cachaporreiro

13 - 11 - 2013
16:22
imprimir

Pesquisar Arquivo

 

Powered by: Rostos Design.
Copyright © 2005 Todos os direitos reservados.